terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

6 Passos para facilitar na identificação e download do driver correto

1) Antes de iniciar a identificação de um hardware e o download do driver, é importante analisar o motivo desta necessidade. Os principais motivos são: dispositivos não funcionando corretamente, erros de compatibilidade, erros no windows e novas instalações. É importante lembrar que é sempre bom manter todos os drivers na versão mais atual possível, porém isto não é uma obrigação. Um driver de rede ou som por exemplo, raramente vai precisar ser atualizado, a não ser que estiver apresentando falhas ou incompatibilidades. Já um driver de vídeo é necessário sempre manter atualizado, visto que estes adicionam inúmeras melhorias de performance e compatibilidade a cada versão.


2) Após a análise da necessidade, o primeiro passo é identificar corretamente seu hardware. Isto pode ser feito de duas formas principais. A primeira é utilizando um software de identificação de hardware (como o Everest). A outra forma é a identificação física. Todo hardware (seja ele placa mãe, placa de rede, som, vídeo, disco, etc) possui etiquetas ou identificações visuais com o fabricante e modelo. Para dispositivos onboard, a solução é anotar o modelo da placa-mãe e ir até o site do fabricante da mesma verificar o restante das informações técnicas. Caso a solução via software não funcione, esta é a mais confiável e garantida.

3) Com o hardware identificado, o próximo passo é a identificação do seu sistema operacional. Grande parte dos drivers não são universais, ou seja, eles não funcionam para qualquer sistema operacional. É importante anotar corretamente a versão do sistema operacional e a linguagem, existem inclusive diferenças entre drivers de Windows XP Professional e Home Edition. Lembro também que, caso esteja procurando drivers compatíveis com sistemas operacionais muito antigos (como Windows 98 e Me), consequentemente para hardwares mais antigos, seu trabalho vai ser bem maior, pois muitos fabricantes deixaram de existir ou não dão mais suporte a este hardware.

OBS: Para os usuários de Windows Vista, lembro que drivers de Windows XP podem funcionar, mas só são recomendados caso não encontrar o driver correto. Já para os usuários de Windows XP, os drivers de Windows 2000 ou até mesmo de Windows 98 podem funcionar também.

4) Com tudo anotado vamos ao terceiro passo que é justamente como encontrar o driver ideal para seu hardware. Antes de iniciar a busca na internet, verifique se seu computador ou notebook não possui um cd de drivers, muitas vezes estes discos concentram todos os drivers necessários para seu computador, não necessariamente os mais atuais. Outra dica importante é para os dispositivos onboard. Os drivers de placa-mãe (ou chipset) geralmente aglomeram todos os drivers dos dispositivos onboard (como som, rede, disco, etc), evitando assim que você busque individualmente por cada driver. Se você não possuir um cd de drivers, então a solução é usar a internet para a pesquisa.

5) É justamente na pesquisa na internet que as pessoas cometem as maiores falhas. A grande maioria dos drivers, pode ser encontrada diretamente no site do fabricante, então este é o primeiro caminho para analisar. Geralmente são encontrados nas áreas de Suporte/Download destes sites e tendo o modelo em mãos, tudo fica mais fácil. Jamais tente pesquisar no google ou entrar em um site de drivers, sem antes olhar nos sites dos fabricantes, garanto que isto irá reduzir 99% do tempo gasto com a pesquisa. Caso não encontrar o driver no site do fabricante, você pode usar o bom e velho Google ou o site do DriversGuide. Encontrado o driver, escolha a versão correta para seu sistema operacional e pronto!

6) O último passo é a instalação do driver em si. Lembre-se sempre de desinstalar qualquer versão antiga do driver antes de instalar uma nova (principalmente no caso da placa de vídeo). É importante também reiniciar depois da remoção e também depois da instalação do driver para garantir que tudo está funcionando corretamente.


Duvidas, criticas ou sugestões, poste um comentário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário